Para contrapor Bolsonaro, Haddad se reúne com pastores

O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, se reúne nesta quarta-feira, 17, com pastores e líderes evangélicos em São Paulo. O encontro reúne nomes de igrejas como Assembleia de Deus, Presbiteriana do Brasil e Metodista – que estão declarando voto contrário a Jair Bolsonaro (PSL).

O encontro foi organizado para contrapor cabeças de instituições pentecostais e neopentecostais que declararam apoio a Bolsonaro na eleição. Foi o caso do bispo Edir Macedo, da Universal do Reino de Deus, do missionário R.R. Soares, da igreja Internacional da Graça de Deus, e do pastor José Wellington Bezerra da Costa, da Assembleia de Deus do Belém, além de outros, informa o Terra.

“As escrituras sagradas nos ensinam que o diabo pode se transformar em anjo de luz e usar até apóstolos para dizer a mentira, que é o que lamentavelmente temos assistido”, discursou o pastor Ariovaldo Ramos, da Comunidade Cristã Reformada, um dos coordenadores da frente de evangélicos que apoia Haddad nesta eleição.

17/10/2018